pexels-flickr-145939

Ano-Novo Chinês

Na China, o Ano Novo não se inicia a 1 de janeiro, mas sim a 1 de fevereiro de 2022. Isto deve-se ao facto de na China seguir um calendário lunar que se baseia nos 12 ciclos da lua, que possui 12 meses e nos anos bissextos 13 meses.

Enquanto a maioria dos países se rege pelo calendário gregoriano, fundamentado pelo movimento de translação da Terra, o calendário chinês baseia-se nas fases da lua e na posição do sol. Outra curiosidade é que, o zodíaco chinês é formado por 12 signos, correspondentes a 12 animais que são influenciados pelos elementos fundamentais do universo, a água, o fogo, a madeira, o metal e a terra.

Assim, de acordo com a análise da Astrologia Oriental Chinesa, em 2022 entramos no ano do tigre de água yang, que se trata do terceiro signo do zodíaco, e promete ser um ano repleto de dinamismo fora do comum, dada a associação do signo ao dinamismo e determinação.

No que toca ao elemento destacado, a água, simboliza a fluidez, a transparência e a sabedoria que serão combinados com os movimentos de energia que o signo do tigre representa. Esta combinação sugere para os chineses, um ano bastante movimentado, com acontecimentos relevantes, mas leve e espontâneo. 

Esta leveza não significa menos intensidade, uma vez que as escolhas pessoais e coletivas contribuem muito para a energia global.

Em suma, as principais características do Ano Novo Chinês 2022, são a sabedoria e uma comunicação aberta e transparente.
Esta passagem, sendo tão importante na China, envolve sempre celebrações que se estendem por 15 dias. São praticadas muitas tradições que fazem parte da cultura do país, e tudo envolve superstições bem como pensamentos positivos para um novo ciclo que se inicia. Assim, como no resto do mundo, os chineses também acreditam que o que fazemos nas primeiras horas do Ano Novo pode ser decisivo.

Nos dias antecedentes à celebração, as casas são todas limpas ao pormenor para libertar as famílias das más energias e para dar sorte. As casas são decoradas com luzes e faixas vermelhas, que remetem para a prosperidade e celebração e o céu enche-se de fogo de artificio para iluminar as cidades chinesas.

Além de todas estas tradições, um dos acontecimentos mais importantes, é a união das famílias. Mesmo aqueles que vivem longe, fazem por se juntar neste dia marcante, em que costumam trocar prendas e desfrutar de um jantar especial, considerado uma das principais refeições do ano.

O encerramento da celebração do Ano Novo é marcado pelo Festival da Lanterna, onde se dá a reunião das famílias e são lançadas pequenas lanternas para o céu com desejos individuais de cada pessoa. Um simbolismo para a procura de um ano bom e feliz.

Newsletter

Partilhar

Compartilhar em facebook
Compartilhar em whatsapp
Compartilhar em telegram
Compartilhar em email

Mais
artigos

Sem categoria

Ano-Novo Chinês

Na China, o Ano Novo não se inicia a 1 de janeiro, mas sim a 1 de fevereiro de 2022. Isto deve-se ao facto de

Ler Mais »
Dia internacional

Dia Internacional do Chá

O Dia Internacional do Chá é celebrado anualmente a 15 de dezembro e as comemorações são lideradas pela FAO. O objetivo passa por despertar a

Ler Mais »
Dia Nacional

Dia Nacional do Não Fumador

O dia nacional do não fumador é celebrado a 17 de novembro, foi criado por uma Resolução do Conselho de Ministros, e tem como propósito

Ler Mais »
Pressione Enter para pesquisar ou Esc para fechar