Capa

Dia Mundial da Criança

O Dia Mundial da Criança é celebrado em vários países, contudo a data de comemoração é diferente de país para país. Em Portugal, é celebrado a 1 de junho.

Este dia surgiu após a Segunda Guerra Mundial, em 1945, num mundo castigado em termos sociais e humanitários. Muitos países da Europa, do Médio Oriente, bem como a China, entraram em graves crises económicas. Como as famílias eram muito pobres, as crianças não frequentavam a escola e eram colocadas a trabalhar em condições árduas durante muitas horas.

Em 1946, a Organização das Nações Unidas (ONU) começou por tomar iniciativas para defender as crianças, nascendo assim a United Nations Children’s Fund (UNICEF). Tinha como objetivo, promover a defesa dos direitos das crianças, ajudar a dar resposta às suas necessidades e contribuir para o seu desenvolvimento e bem-estar.

Em 1950, foi proposto às Nações Unidas pela Federação Democrática Internacional das Mulheres, que fosse criado um dia dedicado exclusivamente às crianças. Este dia foi comemorado pela primeira vez no dia 1 de junho desse mesmo ano, nascendo assim a celebração do Dia Mundial da Criança.

É um dia que deve ser de diversão para as crianças, mas para os adultos deve ser de reflexão sobre os direitos dos mais pequenos, que continuam a não ser respeitados, mesmo nos países desenvolvidos. Diariamente, há crianças que passam fome, que são agredidas física e verbalmente, que são abandonadas e que não têm uma família que cuide delas.

Entre 2013 e 2015, a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) registou um total de 3051 processos de apoio a crianças e jovens vítimas de crime e violência, que se traduziram num total de 5360 factos criminosos. Constatou-se que a maioria dos agressores são os próprios progenitores, sendo a maior parte dos casos, de violência doméstica.

A Declaração Universal dos Direitos das crianças diz-nos que:

  1. Todas as crianças têm o direito à vida e à liberdade;
  2. Todas as crianças devem ser protegidas da violência doméstica;
  3. Todas as crianças são iguais e têm os mesmos direitos, não importa a sua cor, sexo, religião, origem social ou nacionalidade;
  4. Todas as crianças devem ser protegidas pela família e pela sociedade;
  5. Todas as crianças têm o direito a um nome e nacionalidade;
  6. Todas as crianças têm o direito a alimentação e ao atendimento médico;
  7. As crianças portadoras de dificuldades especiais, físicas ou mentais, têm o direito a educação e cuidados especiais;
  8. Todas as crianças têm o direito ao amor e à compreensão dos pais e da sociedade;
  9. Todas as crianças têm o direito à educação;
  10. Todas as crianças têm o direito de não serem violentadas verbalmente ou serem agredidas pela sociedade;

Neste dia, as crianças são o centro das atenções, organizam-se diversos eventos e oferecem-se presentes.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email

Newsletter

Partilhar

Mais
artigos

Sem categoria

Ano-Novo Chinês

Na China, o Ano Novo não se inicia a 1 de janeiro, mas sim a 1 de fevereiro de 2022. Isto deve-se ao facto de

Ler Mais »
Dia internacional

Dia Internacional do Chá

O Dia Internacional do Chá é celebrado anualmente a 15 de dezembro e as comemorações são lideradas pela FAO. O objetivo passa por despertar a

Ler Mais »
Dia Nacional

Dia Nacional do Não Fumador

O dia nacional do não fumador é celebrado a 17 de novembro, foi criado por uma Resolução do Conselho de Ministros, e tem como propósito

Ler Mais »
Pressione Enter para pesquisar ou Esc para fechar